02 agosto 2012

IIIº Simpósio Internacional de Urban Sketching - 3º Parte

O segundo dia de simpósio começou de maneira diferente para mim. Eu participei, pela manhã, do workshop de Melaine Reim e Nathalie Ramirez, no Mercado Modelo, o mercadão da cidade.
Um lugar muito interessante, agitado, movimentado, vivo. Fizemos vários exercícios, como thumbnails. No final a idéia era criar um desenho que capturasse toda a atmosfera do lugar. Muito interessante. Confesso que foi dificil para mim (e senti na pele aquela frustração que mencionei no outro post), talvez por eu ter feito desenhos pausados, mais demorados, nos últimos meses. Desenhar nesse 'estado enérgico', é por outro lado, muito rico. A inspiração vai tomando conta de você. Mas o cansaço aparece rapidamente também pelo nível de concentração demandado.
Talvez por isso eu tenha sentido que o pessoal que participou das minhas sessões de workshop no período da tarde geralmente já estavam cansados. Natural. Desenhar cansa!
Após o almoço eu participei em uma mesa de discussão, onde discutimos de que maneira as comunidades de desenhadores urbanos vem se desenvolvendo em cada lugar. Interessantes iniciativas foram levantadas pelos participantes da mesa: eu, José Louro (Lisboa), Swasky (Barcelona) e Imna Serrano (Sevilla), além de Lynne Chapman (Inglaterra). Gabi Campanario costurou tudo.
Após o debate, ministrei minha última sessão de workshop. Ao todo foram cerca de 28 participantes, divididos nas 3 sessões.
Senti um certo alivio. Foram 6 meses de preparação, com muitos e muitos desenhos, e mais de 70 horas de aulas de inglês. Deu tudo certo. O primeiro gole de cerveja daquela noite desceu 'redondo'!!


Até o próximo post!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário